Açúcar mascavo x Branco

AÇÚCAR MASCAVO X BRANCO

103333012.jpg?w=500

do livro “A Dieta Ideal”; Longevidade com Qualidade de Vida- Dr. Augusto Vinholis

O açúcar mascavo, realmente, é a opção mais saudável que podemos usar como adoçante, pois o açúcar branco é o produto da degradação da cana de açúcar.

Coloca-se gás sulfídrico para clarear o melado marrom (natural), como se fosse feio ser escuro!

Aliás, remonta do século retrasado essa ideia do escuro e do branco, quando tudo que fosse branco valia mais e, por incrível que pareça, ainda temos em nossa sociedade esse preconceito (que não passa de outra forma de racismo, ainda enfronhado em nossas raízes sociais).

Pois é, e como se não bastasse de veneno, ainda se coloca cal (você estaria se perguntando: essa cal de pintar parede? A resposta, infelizmente, é sim).
Você já imaginou que interessante ingerir um alimento com gás sulfídrico e cal?

E ainda temos coragem de dar isso para nossas criancinhas como adoçantes nas mamadeiras! É demais!!!
E nossas autoridades responsáveis não tomam a menor providência! Por que será? Será que são insensíveis? Ou não sabem dos riscos que corremos?

O açúcar branco é considerado como o ópio, uma droga destrutiva, formadora de hábito, causando dependência. Além de relatos científicos mostrarem que a cal compete com o cálcio do nosso corpo, fazendo do açúcar branco o grande vilão da osteoporose.
Continuar lendo

O brasileiro come veneno

O brasileiro come veneno

Texto por Brasil de Fato

Silvio Tendler é um especialista emdocumentar a história brasileira. Já o fez apartir de João Goulart, Juscelino Kubitschek,Carlos Mariguela, Milton Santos, Glauber Rocha e outros nomes importantes. Em seu último documentário, Silvio não define nenhum personagemem particular, mas dá o alerta para uma grave questão que atualmente afeta a vida e a saúde dos brasileiros: o envenenamento a partir dos alimentos.

Em O veneno está na mesa, lançado na segunda-feira (25) no Rio de Janeiro, o documentarista mostra que o Brasil está envenenando diariamente sua população a partir do uso abusivo de agrotóxicosnos alimentos. Em um ranking para se envergonhar, o brasileiro é o que mais consome agrotóxico em todo o mundo, sendo 5,2 litros a cada ano por habitante. As consequências, como mostra o documetário, são desastrosas.
Continuar lendo