O Facebook sabe tudo (ou quase) sobre você

Grupo europeu conseguiu o material elaborado pela rede social sobre uma internauta, e o publicou. São quase 900 páginas de informações.

Por Redação do IDG Now!

O Facebook sabe quem te cutucou. O Facebook sabe que máquinas você usa. O Facebook sabe para quais eventos você foi convidado. O Facebook sabe disso e muito mais.

A prova de que a rede social talvez saiba demais partiu de um grupo de usuários denominado “Europe X Facebook”. Graças a uma lei da União Europeia – que dá a cada cidadão o direito de solicitar a quaisquer sites as informações que eles possuem dele – eles descobriram o que, afinal, a empresa de Zuckerberg guarda sobre cada usuário.

A fim de exemplificar do que estavam falando, o grupo publicou um documento no qual a internauta L.B. – que não teve o nome verdadeiro revelado por motivos óbvios – teve todo o seu histórico no portal transcrito. São nada mais, nada menos, do que 880 páginas de informações das mais diversas, agregadas desde 2007, quando L.B. se cadastrou no Facebook.

O site da revista norte-americana Forbes investigou o arquivo e selecionou as partes mais curiosas – ou perturbadoras. Constatou que a L.B. foi cutucada mais de 50 vezes em quase quatro anos, sendo que “K.D.” foi quem mais interagiu com ela dessa forma, principalmente em 2008. Soube quais computadores foram usados para conectar-se à rede, com que frequência e, ainda por cima, que outros internautas utilizaram a mesma máquina para entra no portal.

O Facebook sabe não só quem são seus amigos, como também tem conhecimento de quais contatos você não aceitou a amizade – e mesmo os que você excluiu posteriormente. Mais grave ainda é que, segundo o grupo, que diz ter recebido o alerta de alguns usuários, a rede social guarda as mensagens que você armazena, mas também possui aquelas que você apagou.

A maioria dos internautas sabe que os portais costumam guardar informações suas a partir de cookies – arquivos trocados entre o navegador e o servidor de páginas – deixados nas máquinas. Julian Assange, criador do WikiLeaks, já chamou o Facebook de uma “máquina de espionagem”. Para Richard Stallman, “smartphones são o sonho de Stalin”. A questão suscitada pelo documento é que, se antes os usuários desconfiavam do que as empresas guardavam sobre eles, agora eles podem ter uma noção exata do quanto eles estão entregando.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/seguranca/2011/09/27/acredite-o-facebook-sabe-tudo-ou-quase-sobre-voce/

Anúncios

3 comentários em “O Facebook sabe tudo (ou quase) sobre você

  1. Ola Bruno!!! sobre a reportagem acima eu ñ tenho nada contra a respeito, de que o Facebook ou outra rede desse teor, quem ñ deve ñ teme as vidas e historias das pessoas estão cada vez mais expostas e assim deve ser , o planeta esta evoluindo e se ñ apreendermos sobre como nos comportar , vamos aprender de qualquer maneira ou por bem ou por mal, a minha vida ñ da nem dez paginas,L.B. é uma entre milhoes de usuários…quem sabe isso ñ acaba promovendo L.B., é irrelevante essa reportagem ñ acrescenta nada, para melhoria da nossa vida no planeta. abrços Regina

    • Olá Regina,

      Talvez o ponto de reflexão não seja aprender a se comportar, pois como você disse, todos nós precisamos aprender isso. Uma das questões primordiais é que informações sobre o comportamento, crenças, valores, opiniões e gostos sobre bilhões de pessoas, podem ser usadas para aprisioná-las ainda mais. Não somos nós que precisamos ser mais transparentes, mas sim os governantes, políticos, entre outros, para que sim, o mundo seja mais equilibrado e transparente.

      Os políticos que são eleitos em qualquer governo, estudam os comportamentos e necessidades dessas pessoas e então se modelam e criam uma imagem que seja possível conquistar a seus eleitores, vide o exemplo de Barack Obama, que era idolatrado, mas que não correspondeu as expectativas de seu povo. Tudo porque acreditaram na imagem que ele criou.

      O mesmo mecanismo é utilizado pelas empresa, pela mídia, que controla e coibe a evolução “intelectual” e “cultural” do país, se é que isso existe.

      A melhoria da nossa vida no planeta, não se conclui apenas com as nossas ações, mas também quando o globo começa a raciocinar, pensar diferente e agir, e então as mudanças podem surgir a sociedade.

      Luz no Caminho!

  2. como muito sou um livro aberto,sem nada a esconder,

    recebo várias criticas ou gozações no facebook por
    não concordar com sistema dos reptilianos
    como muitos estou presa nessa matrix de dor e prazer ilusório
    e tento sair buscando conhecimento.Adoro ler no site de busca:
    – mensagens de ashtar sheran
    – cultura racional
    – pleidianos e aterrissagens maciças
    – aguias de sananda
    – amor por gaia
    – portal 11:11
    – laura botelho laercio fonseca marcio bontempo….
    -sites veganos
    -iluminatis
    – perigo das vacinas
    ” carnes
    ” fluor
    ” aspartame
    ” açucar
    e toda essa farça na saúde tradicional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s