Tanto a China como a Índia sabem sobre bases subterrâneas de UFOs

Tanto a China como a Índia sabem sobre bases subterrâneas de UFOs na área do Passo de Kongka La, fronteira do Himalaya, enterradas em encontro das placas tectônicas.

 

FONTE: http://www.indiadaily.com/editorial/01-09a-05.asp

Tradução: lhas3126@gmail.com

 

Kongka La é uma passagem entre as grandes montanhas no Himalaya (oval azul no mapa). Ésta na área disputada da fronteira Índia-China em Ladakh. No mapa, a zona vermelha é a área disputada ainda sob o controle chinês na região de Aksai Chin.

A parte chinesa localizada a nordeste é conhecida como Aksai Chin e para os indianos a sudoeste é conhecido como Ladakh. Esta é a área onde os exércitos indianos e chineses lutaram uma grande guerra em 1962. A área é uma das menos acessíveis do mundo e por um acordo feito entre os dois países eles não patrulham essa fronteira.

A remota região de Kongka La assinalada no mapa.

De acordo com muitos turistas, os monges budistas e a população local de Ladakh, o Exército indiano e as forças armadas chinesas mantêm a linha de controle. Mas há algo muito mais grave e interessante acontecendo nesta área. De acordo com as poucas pessoas locais na área de fronteira indianos e chineses, este é o local onde os OVNIs são vistos saindo do solo e das montanhas, de acordo com muitos locais, as bases (parece haver mais de uma) subterrâneas de UFOs existem nesta região e tanto o Governo indiano assim como o governo chinês saberiam disso muito bem.

Recentemente, alguns peregrinos hindus em seu caminho para o sagrado Monte Kailash, na passagem ocidental da cordilheira, se depararam com luzes estranhas no céu. Os guias locais durante a passagem do território chinês lhes disseram que isso não era nada de novo e é um fenômeno normal na área da passagem de Kongka La Pass – a tensa região de fronteira entre a Índia e a China.

A estranha e iluminada espaçonave triangular silenciosamente surgiu do subsolo e se elevou quase que verticalmente para cima. Alguns dos peregrinos mais aventureiros queriam olhar para o local de onde ela saiu.

Por isso eles foram os primeiros a voltaram pelos postos de guarda chinês como lhes foi recusada a entrada a partir do lado chinês. Quando eles tentaram se aproximar do local do lado indiano, a patrulha da fronteira com a Índia também recusou a sua passagem ao local a despeito de sua autorização para viajar entre os dois países.

Os peregrinos, nessa fase, começaram interrogando o pessoal de segurança hindu da fronteira. O pessoal de segurança disse a eles que eles tinham ordens para não permitir que qualquer um se aproximasse da área de interesse e sim era verdade que objetos voadores estranhos saim de debaixo do chão, e das montanhas, com as luzes amplificado e modulado. Forças Militares de Operações Especiais e as agências de inteligência da INDIA estão no comando dessa área.

Os esparsos moradores dessa área montanhosa começam a rir quando são questionados sobre esses avistamentos de OVNIs. Eles ficam surpresos porque os governos estão tão ansiosos para esconder esses fatos óbvios. Segundo eles a presença de extra-terrestres é bem conhecida e está profundamente enterrada no solo, em bases subterrâneas. Eles acreditam que nem os governos indiano ou chinês não querem expor o fato, por algum motivo.

Ao trazer esta questão para os governos locais, eles são instruídos a manter a calma e esquecerem o assunto. Esta é a região onde as placas Tectônicas Eurasiana e a placa Indiana criaram limites de placas convergentes. Esses limites de placas convergentes são formados quando uma placa mergulha sob a outra (por esse motivo existe a maior cordilheira de montanhas do mundo nesse local, os Himalayas). Consequentemente, esta é uma das poucas áreas do mundo onde a profundidade da crosta da Terra é duas vezes mais grossa do que em outros lugares.

O oposto é encontrado em pontos quentes (com atividade vulcânica) como o Yellowstone National Park, no estado do Wyoming, na América do Norte, onde a crosta terrestre é muito fina. A dupla espessura da crosta terrestre, permite a criação de bases subterrâneas profundas nas placas tectônicas. Kongka La tem belas rochas e granitos. Por alguma estranha razão nem os chineses, nem as autoridades indianas já escavaram, cavam ou abriram mineiração nesta área. A área está intocada e é intocável.

Recentemente, a Índia e a China avançaram para resolver todos os litígios de fronteira e reiniciar as relações políticas sino-indiana de novo. A área de Aksai Chin ainda é contestada. Mas o interessante é que enquanto as negociações avançam enquanto ambos os governos são indiferentes a esta área. Índia e China, como mostrado nos mapas de acompanhamento têm enormes áreas de fronteira ao longo do Himalaia e eles estão negociando em todas essas regiões.

Embora as alegações de que a região de Aksai Chin faz parte da Índia, a crença comum no Governo é que isso não é um empecilho para acordos. Por outro lado, o chinês, depois de vencer e tomar Aksai Chin da Índia, em 1962, em uma guerra, construiu uma estrada estratégica militar. Agora eles estão usando uma estrada alternativa para não se incomodar com a área em Kongka La. Recentemente, na escola, as crianças da área tiveram um concurso de desenho. Mais da metade dos desenhos tinham a ver com objetos voadores estranhos no céu e alguns saindo das montanhas. Muitos dessas crianças sequer sabem o que e quando procurar.

Muitos pesquisadores de OVNIs acreditam que há bases ocultas de UFOs sob o oceano profundo e sob a terra em grandes profundidades. Kongka La está experimentando algum fenômeno estranho com objetos silenciosos e voadores suspeitos saindo de dentro das enormes montanhas (não existem aberturas aparentes nas montanhas) inacessíveis (Himalayas) e ambos os governos, tanto da Índia como o da China se recusam a dar esclarecimentos.

A outra alternativa é que seja uma estratégica base da Força Aérea de alguém. Então, por que um ou outro país permite que a base funcione em uma terra de ninguém, em uma zona fronteiriça disputada e altamente sensível? Porque é que esta região de forma contínua ao longo do tempo sempre tem informação de avistamentos de UFOs por vários tipos de pessoas tão diferentes?

Anúncios

3 comentários em “Tanto a China como a Índia sabem sobre bases subterrâneas de UFOs

  1. Um homen muito rico com seus empregados ou seguranças vai entrar neste território á força e tirar fotos, filmar e tudo o mais..que governo de “merda” vai chegar lá para interceder USA?? não vai dar tempo ( estão quebrados) se tem uma entrada.. o resto faremos em pequenas parcelas..e..descobriremos..assuntos,…assuntos também sei escrever..mas tenho uma profissão técnica e não preciso de muito para viver tranquilo-mas posso criticar coisas mal explicadas..vão publicar ou não??Gosto muito de ufologia mas,…. sem provas..tô fora..

    • Olá Sidnei,

      Acho interessante o que você comentou, mas eu mesmo não disponho de tempo nem de recursos para tal missão. Agradeço de coração, apoio e torço pelos irmãos que podem fazer isso, e que assim ajudam no descortinar de verdades universais que foram silenciadas por esses governos.

      Não sou ufólogo, mas sim espiritualista, de qualquer forma essas 2 linhas irão se fundir no futuro, pois ambas caminham juntas, mas atualmente, estou me dedicando à minha evolução pessoal, aproveitando toda a Luz que está sendo criada aqui no planeta Terra, neste momento.

      Forte abraço amigo…

      Luz no Caminho!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s